Meu recanto

"A IMAGINAÇÃO É MAIS IMPORTANTE QUE O CONHECIMENTO" (ALBERT  EINSTEIN)

Textos

PENSANDO... EM TEMPOS DE COVID 19 ...
(FR/PNS/467)


     Nesse recluso tempo, adverso, questiono a mim mesma o por que dessa pandemia mundial que arrasa, invade e dizima ricos e pobres cuja vida está por um fio, mesmo para quem está totalmente isolado. Mortes coletivas; diariamente, saem em comboios, os corpos, gelados, para onde não sabemos, sem família e sem amigos para o último adeus; Triste! Tampouco, uma placa existirá, depois, para a identificação? Há uma guerra para a sobrevivência e nem sabemos do que. Esse terrível inimigo, a Covid 19, mostra-nos o quão frágil somos e o que nada somos. Acredito que paira sobre o mundo, esse infortúnio, para que o homem comece a pensar como fazer tudo melhor, seja para com o próximo, para com a natureza, para consigo mesmo desde o início e até em seus pensamentos. Deve haver uma razão que desconhecemos para tudo isso. Hoje, depois de dois meses de reclusão posso ver em meu jardim, da sacada, pássaros de diversas espécies, coloridos e ariscos que até então nunca haviam se aproximado. Acredito que isso é um sinal de que a natureza, sem o homem que a depreda, ela respira, se refaz e está bem diante dos nossos olhos para admirá-la e cuidá-la. E o que pensar sobre todas essas mortes, hospitais abarrotados, linha de frente de médicos e enfermeiros, desde motoristas de ambulâncias e coveiros, adoencendo e morrendo na batalha pela vida? -"Heróis por amor ao próximo." Esses são os verdadeiros, Heróis, combatentes dessa luta para com a vida, sem infra estrutura de hospitais e de trabalho. Cadê todos os que subtraíram da população,  todo esse direito para com a vida? 
     O descaso para com o mais pobre, mostra os comboios da morte  que circulam pelas ruelas da cidade, aos cemitérios improvisados, sem despedidas e sem dignidade.
        "Estranho e triste tempo em que o mundo parou e se dizimou."
Ano, 2020.
EDIDANESI
Enviado por EDIDANESI em 02/05/2020
Alterado em 04/05/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras