Meu recanto

"A IMAGINAÇÃO É MAIS IMPORTANTE QUE O CONHECIMENTO" (ALBERT  EINSTEIN)

Textos

AQUI NESTA CIDADE
(Ps/419)


Sei que sou um,
mais um, desfeito em dor que anda
em pedregulhos lisos, escorregadios.

Os bons ventos, certamente,
zuniram fogosos nas areias das praias
refrescando o mar, colhendo amores.

Palmilho as enseadas
e cruzo o olhar com o Redentor
que me espera de braços abertos.

Aqui nesta cidade não há deserto,
há aves brancas transcendendo o dia
roteiro belo da majestosa natureza.

Finjo viver esta cidade
mas, quem poderá viver assim
se o sino não dobra e o céu é chumbo?

Lágrimas regam o mar e o soluço
tranca gargantas, na escuridão do dia.
Quem se habilita e grita?

A máquina do ferro cospe
sangue, sem deserto, na multidão
subtraindo um, dois, três e até quanto?

Aqui nesta cidade, aquarela de Deus,
a angústia tolhe o encanto da vida,
enquanto a palidez da hora se faz deserta.

Que diriam quem a conheceu tão bela,
pura, branca e azul com um relevo
estonteante, delineando o céu? 

O sorriso amargo, vencido
face ao olhar morto da alma, ainda
clama ao largo à esperança e feixe de luz.

Abutres rondam e com orgulho e sem pudor
do fruto podre provarão e o jogo do tempo, 
num refluxo feroz, vomitarão.



















 
EDIDANESI
Enviado por EDIDANESI em 14/02/2018
Alterado em 14/02/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras